Lula: investir em ciência e tecnologia dá retorno

O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva defendeu, no seu programa semanal de rádio "Café com o Presidente", o plano do governo para investimento em ciência, tecnologia e inovação voltado ao desenvolvimento do País. Lula salientou que de 2008 até 2010 deverá ser investido no setor cerca de R$ 41 bilhões em pesquisa e capacitação científica. Para ele, o investimento em tecnologia dará retorno ao Brasil. A meta, segundo presidente, é aumentar o dinheiro aplicado no setor de 1,02% para 1,5% do Produto Interno Bruto (PIB), a soma de todas as riquezas produzidas no país. Lula disse ainda que haverá um reajuste de 20% nas bolsas de mestrado e doutorado a partir de março de 2008: as de mestrado passarão de R$ 940 para R$ 1.200 e as de doutorado, de R$ 1.340 para R$ 1.800.Para o presidente Lula, "quando se fala de ciência, tecnologia e inovação, precisamos ver isso como investimento que vai trazer retorno, não apenas na produção de novos cientistas, mas vai trazer retorno do ponto de vista de melhorar a vida do povo brasileiro, melhorar a indústria brasileira, melhorar a qualidade do nosso produto". Ele entende que os investimentos no setor podem "fazer com que o Brasil se torne mais senhor da situação em ciência, tecnologia e inovação".Também salientou que as descobertas científicas podem tornar os produtos brasileiros mais competitivos no mercado internacional. "O Brasil não pode ser um País que tenha uma base forte nas suas exportações de produtos in natura, de grãos, de minério de ferro. É importante que a gente transforme isso em produtos sofisticados para que a gente possa ganhar mais dinheiro com as nossas exportações".Ele ressaltou que "o Brasil hoje fabrica avião, e só fabrica avião porque investimos em tecnologia um tempo atrás. Hoje, nós estamos colhendo o produto de ter uma empresa altamente sofisticada e competitiva como a Embraer - a Empresa Brasileira de Aeronáutica".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.