Lula libera R$ 3,545 bi para despesas previdenciárias

Recursos serão utilizados, entre outras finalidades, para pagamento de aposentadorias e pensões de servidores

Neri Vitor Eich, da Agência Estado,

26 de dezembro de 2008 | 15h37

Um crédito suplementar de R$ 3,545 bilhões foi aberto aos Orçamentos Fiscal e da Seguridade Social da União por decreto do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, publicado nesta sexta-feira, 26, no "Diário Oficial da União".De acordo com o decreto, os recursos serão utilizados, entre outras finalidades, para pagamento de aposentadorias e pensões de servidores civis; para contribuição da União, de suas autarquias e fundações para o custeio do regime previdenciário dos servidores públicos federais; pagamento de despesas previdenciárias da Presidência da República com o Arquivo Nacional, a Secretaria Especial de Direitos Humanos, a Secretaria Especial de Aqüicultura e Pesca, a Controladoria-Geral da União, o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, a Empresa Brasil de Comunicação; os ministérios da Agricultura, da Ciência e Tecnologia, da Fazenda e da Educação.

Mais conteúdo sobre:
Despesas previdenciárias

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.