R$ 1,57 bi

E-Investidor: Tesouro Direto atrai mais jovens e bate recorde de captação

Lula: obras de refinaria no Maranhão começam este ano

Refinaria terá investimento de US$ 19 bi; presidente reiterou que Brasil combaterá crise econômica investindo

LEONARDO GOY, Agencia Estado

12 de março de 2009 | 18h07

O presidente, Luiz Inácio Lula da Silva, disse nesta quinta-feira, 12, que começarão neste ano os trabalhos de terraplanagem para a construção da refinaria do Maranhão, investimento de aproximadamente US$ 19 bilhões. Em discurso durante visita aos projetos da Odebrecht para formação de mão de obra para a construção da hidrelétrica de Santo Antonio, em Rondônia, o presidente reiterou seu discurso de que o Brasil combaterá a crise econômica investindo. "Quanto mais o mundo tiver crise mais nós faremos investimentos. Essa crise se combate investindo. Se eu ouvisse o discurso da oposição ficaria amofinado e não investiria", disse.

Em seu discurso, o presidente lembrou das dificuldades para aprovar o projeto e conseguir as licenças ambientais para as hidrelétricas do Rio Madeira. "O processo é um verdadeiro inferno", disse o presidente, afirmando também que "no Brasil às vezes tem muita gente para destruir e poucos para construir".

Lula também fez um apelo ao presidente da Bolívia, Evo Morales, para que o país aprove o projeto, que já vem sendo discutido pelo dois países, de construir uma hidrelétrica binacional, no Rio Madeira, na divisa com Brasil e Bolívia. A usina ficaria rio acima de Santo Antonio e Jirau e teria capacidade para gerar 3 mil megawatts (MW).

Tudo o que sabemos sobre:
petróleorefinariaLula

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.