finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Lula pede redução de impostos sobre material escolar

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, revelou hoje que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu para que o ministério estude a possibilidade de reduzir tributos para o setor de material escolar. Ele informou, no entanto, que ainda não há decisão sobre o assunto. Mantega salientou que o livro didático, por exemplo, já é desonerado. "Vamos ver se há ou não possibilidade (de redução da tributação)", disse Mantega.

CÉLIA FROUFE, FERNANDO NAKAGAWA, RENATA VERÍSSIMO E ADRIANA FERNANDES, Agencia Estado

25 de novembro de 2009 | 16h20

Mantega afirmou que as medidas de redução de impostos anunciadas ontem e hoje visam ao aumento dos investimentos no País. "O que estamos dizendo é para que as empresas invistam no Brasil, que haverá mercado. É este o sinal que estamos dando", disse o ministro, em entrevista coletiva.

Na avaliação de Mantega, este é o momento mais adequado para o anúncio, pois é quando os empresários decidem a respeito dos investimentos. Segundo ele, a competição internacional se acirrará e vários países que passam por um problema de capacidade ociosa estão em busca de mercados atraentes. "Estamos de olho no investimento", resumiu.

Para Mantega, o consumo no País já atingiu um patamar adequado, após os impactos da crise financeira internacional, mas os investimentos ainda não mostraram uma recuperação total. "Os investimentos são a base do crescimento, mas demoram mais para se recuperar", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.