Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Lula se diz 'surpreso' com corte de investimento da Vale

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou hoje, na Turquia, que ficou "surpreso" com a notícia de redução dos investimentos da Vale, anunciada ontem. Lula prometeu que, ao retornar ao Brasil, amanhã, entrará em contato com o presidente da mineradora, Roger Agnelli, para tratar do assunto. "A Vale tem dinheiro em caixa", afirmou Lula. Para ele, a Vale precisa manter os compromissos de investimentos no País.

JAMIL CHADE, ENVIADO ESPECIAL, Agencia Estado

22 de maio de 2009 | 15h22

Já o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Miguel Jorge, avaliou que a notícia do corte de investimentos da Vale "não é boa, mas não preocupa".

Ontem à noite, a Vale reduziu a projeção de investimento para este ano em 36,5%, para um orçamento de US$ 9,035 bilhões, um valor US$ 5,2 bilhões a menos que o previsto em outubro do ano passado. A decisão, segundo a mineradora, se deve à redução de custos, à desvalorização do real ante o dólar e ao alongamento dos cronogramas de alguns projetos.

Tudo o que sabemos sobre:
LulaValeinvestimentos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.