Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Lupi: centrais sindicais vão realizar estudo sobre FGTS

As centrais sindicais integrarão um grupo de trabalho que apresentará, em 60 dias, sugestões para melhorar a remuneração do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), paga aos trabalhadores. O anúncio foi feito hoje pelo ministro do Trabalho, Carlos Lupi. "Não são todas as centrais que estão representadas no Conselho Curador do FGTS. Por isso, foi solicitada uma comissão com representantes de todas as centrais", explicou. O ministro não quis adiantar qual será a linha de discussão do grupo. "Terá de ser uma solução que não prejudique os cinco milhões de mutuários do Sistema Financeiro da Habitação", comentou o presidente da Força Sindical, Paulo Pereira da Silva, deputado Paulinho da Força (PDT-SP).Hoje, os recursos do FGTS são remunerados conforme a variação da Taxa Referencial (TR), acrescida de 3% ao ano. O dinheiro é utilizado para financiar a aquisição da casa própria. Os sindicalistas querem achar uma solução que proporcione mais ganho ao trabalhador, mas não eleve o juro cobrado do mutuário.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.