Lupi: volume de descoberta da Petrobras vai surpreender

O ministro do Trabalho, Carlos Lupi, antecipou o anúncio de mais uma grande descoberta de petróleo na chamada ?camada de pré-sal?, em águas ultraprofundas da Bacia de Santos. Ele garante que o volume das descobertas é ?bem maior? que os já divulgados. Segundo o ministro, as reservas de petróleo do Brasil são maiores do que a Petrobras e o governo revelaram até agora.?Todos ficarão surpresos?, disse Lupi, ontem, em Genebra, após participar de reuniões na ONU. ?Vocês (jornalistas) ficarão sabendo nas próximas semanas. Mas isso é tema do Ministério de Minas e Energia, e eu não posso falar mais nada.? Depois da inconfidência do ministro, a Petrobras divulgou, na noite de ontem, nota antecipando o comunicado formal. A estatal confirmou que a descoberta é também de óleo leve (de maior valor comercial) e está na área denominada informalmente de Guará, ao lado do bloco de Carioca, que teve descoberta de pré-sal anunciada em setembro de 2007.Extra-oficialmente, fontes revelam que, nessa descoberta, o reservatório de óleo seria ainda maior do que o de Tupi, o bloco mais promissor até agora, com reservas estimadas entre 5 bilhões e 8 bilhões de barris. Oficialmente, a Petrobras não informa volumes da área, localizada no BMS-9, mas apenas que a qualidade do óleo é boa (28°API) e o bloco é operado pela estatal (que detém 45%) em parceria com a BG Group (30%) e a Repsol YPF (25%). As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.