Maior obra do ministro é sobre teoria dos jogos

LONDRES - No tabuleiro para renegociar a dívida, há uma peça-chave no lado dos gregos: Yanis Varoufakis. Aos 53 anos, o matemático com doutorado em economia destoa do às vezes carrancudo mundo da economia. O ministro de Finanças não usa gravata, chega a reuniões com uma mochila nas costas e costuma circular de moto em Atenas.

FERNANDO NAKAGAWA, O Estado de S.Paulo

24 Fevereiro 2015 | 02h04

A esquerda radical do movimento Syriza tem outros inimigos além da austeridade imposta por Bruxelas. A gravata é um deles. Desde o primeiro dia, toda a cúpula do governo trabalha sempre de paletó, mas sem gravata.

O visual despojado de Varoufakis combina com seu estilo de vida. Ele é casado com a artista plástica Danae Stratou, que tem no portfólio exposições na Austrália, Bélgica, Estados Unidos e Nova Zelândia.

Antes de chegar ao governo, a maior parte da experiência de Varoufakis foi conquistada na academia, onde foi professor de economia e matemática na Universidade de Atenas, na Universidade de Austin, nos Estados Unidos, na Universidade de Sidney, na Austrália, e na Universidade Católica de Louvain, na Bélgica.

O ministro escreveu mais de dez livros em grego e inglês. O maior deles, porém, passa longe da política econômica. Com 1,6 mil páginas em cinco volumes, Teoria dos Jogos - Conceitos Críticos analisa as estratégias dos jogadores para a vitória.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.