Maioria das ações está voltada à educação e jovens

Pesquisa feita pelo CVBE aponta que o mundo corporativo está mais interessado em atrair seus colaboradores

O Estado de S.Paulo

18 de dezembro de 2011 | 03h10

Levantamento feito pelo Conselho Brasileiro de Voluntariado Empresarial (CBVE) mostra que 90,6% das empresas que promovem ações sociais estimulam seus colaboradores a participar dos trabalhos. A pesquisa também aponta que 61% das companhias que implantaram projetos estão na região sudeste. Dessas, 35% estão na indústria, 33% no setor de serviços, 12% no comércio e 20% não responderam este item. A maioria (78,1%) implantou projetos sociais ligados à educação e ao desenvolvimento de jovens e adolescentes.

"O Brasil ainda está amadurecendo na questão do voluntariado. Mas a cada ano mais empresas nos procuram para se informar sobre a implantação de programas sociais. Acredito que o crescimento ficará evidente na próxima pesquisa que vamos divulgar no início do ano que vem", afirma Heloísa Coelho, secretária-executiva do CBVE.

A última pesquisa foi feita em 2010 e divulgada no início deste ano. Foram ouvidas 67 empresas de todo o País.

Para ela, além da boa imagem à empresa, o envolvimento dos funcionários também contribuiu bastante para a harmonia da equipe. "Muitos queriam realizar uma ação social, mas não davam o primeiro passo. Ao oferecer uma opção, a empresa também está contribuindo com uma realização pessoal."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.