Maioria das Bolsas asiáticas fecha em alta

Fatos locais, como a queda das taxas de juro na Bolsa de Seul, contribuíram para que a maioria dos mercados asiáticos conseguisse se descolar dos comportamentos negativos do Nasdaq, que fechou, ontem, com perda de 2,13%, e da Bolsa de Tóquio, que caiu 1,7%. Em Seul, a decisão do BC sul-coreano de cortar a taxa básica de juros com o objetivo de estimular a economia e os planos do governo de expandir o nível permitido de investimentos em ações dos fundos de pensão estimularam o mercado. O índice Kospi subiu 2,66%. Nas Filipinas, a decisão do governo de retirar seu veto ao projeto de reforma do setor de eletricidade e a expectativa sobre a queda dos juros fizeram com que a bolsa computasse um bom desempenho (+1,46%). As compras realizadas por investidores estrangeiros incentivaram o mercado doméstico em Taiwan, com o índice Taiwan Weighted fechando em +1,14%. Em Cingapura, o índice Straits Times subiu 2,04%. Em Hong Kong, o índice Hang Seng caiu 0,87%, nocauteado pelas ações de telecomunicações. Na Indonésia, o índice Jacarta Composto desvalorizou 0,80% e a Bolsa da Malásia registrou recuo de 1,26%. Não houve pregão na bolsa tailandesa hoje.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.