Fabio Motta/Estadão
Fabio Motta/Estadão

Mais de 70 mil servidores do Rio só receberão salário de novembro em 2018

Em crise há dois anos, o governo já havia feito depósitos no dia 14 dos ativos da área de educação e dos aposentados e pensionistas das áreas de segurança e administração penitenciária

Roberta Pennafort, O Estado de S.Paulo

26 Dezembro 2017 | 20h10

RIO - O governo do Rio informou nesta terça-feira, 26, que vai pagar na quinta-feira, 28, os salários integrais de novembro de 134.760 servidores ativos, inativos e pensionistas, de todas as categorias, que recebem até R$ 2.805,00 líquidos. Para outros 71.134, os vencimentos de novembro só serão depositados em 2018.

+‘Tem de ficar claro: deu para um grupo, vai faltar a outros’, diz secretária do Tesouro

Com os pagamentos do dia 28, que dão, somados, R$ 200 milhões, o Estado terá honrado integralmente os salários de novembro para 84% do funcionalismo público. Os soldos dos 71.134 restantes representam R$ 375,9 milhões. As informações são da Secretaria de Estado de Fazenda.

Em crise há dois anos, o governo já havia feito depósitos no dia 14 (10º dia útil de dezembro) dos ativos da área de educação e do Departamento Geral de Ações Sócio-Educativos (Degase), e ainda dos ativos, aposentados e pensionistas das áreas de segurança e administração penitenciária, além de órgãos vinculados.

+Governo do RN vai protocolar recurso a Meirelles por socorro financeiro

No total, segundo o Estado, está quitado R$ 1,2 bilhão em salários 391.078 servidores. Para o restante não foi divulgada nova data. “De acordo com o resultado da arrecadação, a Fazenda anunciará posteriormente quando se dará um novo depósito”, informou apenas a secretaria.

No dia 14, o governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) assinou contrato com o banco francês BNP Paribas para receber um empréstimo da União de R$ 2,9 bilhões. Com o dinheiro, foi pago o mês de outubro e o 13º salário de 2016.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.