Mais segurança na compra via Internet

Os cuidados na hora de comprar qualquer produto pela Internet são vários. O consumidor deve prestar atenção aos detalhes, às informações que são solicitadas e procurar tornar a compra o mais segura possível. A técnica da diretoria de programas especiais do Procon, Renata Saad Mira, diz que a primeira orientação é sobre a origem do site e alerta: "Se a empresa estiver sediada em outro país, a pessoa não tem o amparo do Código de Defesa do Consumidor".Por isso, recomenda cautela na hora de comprar em um site estrangeiro. Segundo Renata, é interessante buscar referências, saber se a empresa é conhecida no seu país de origem e conversar com pessoas que já tenham comprado antes. "O consumidor deve estar ciente que, nesse caso, ele está importando diretamente um produto", explica. As eventuais reclamações devem ser feitas para o próprio site ou para os órgãos competentes no país onde está sediado o site.Made in Brazil Nos sites nacionais, há a vantagem do amparo legal. Mas ainda assim, é bom não descuidar. De acordo com a técnica Renata Saad, é importante verificar as condições de entrega da mercadoria, prazo prometido e tomar cuidado com o preço. Verifique se o custo do frete está incluído no valor final. "Às vezes o preço do produto é mais barato que na loja mas com o frete pode ficar na mesma ou até mais caro", alerta Renata. Condições de pagamentoUm detalhe que pouca gente sabe, é que as lojas virtuais são obrigadas a aceitar mais de uma forma de pagamento. A técnica do Procon diz que o pagamento em moeda é obrigatório por lei, e além desta, a empresa é obrigada a dar outra opção para o consumidor. "Se isso não ocorrer, é prática abusiva e uma maneira de descriminar o consumidor", afirma. Quase todas as empresas virtuais aceitam cartão de crédito ou pagamento via boleto bancário.Outra dica, é procurar fornecer ao site o menor número possível de informações como número de cartão de crédito, conta corrente etc. Verifique ainda se o site oferece alguma garantia de segurança. Contrato em mãos: uma garantiaDepois de efetuada a compra, os cuidados continuam. Imprima sempre o pedido, onde devem constar a descrição do produto, condições de pagamento, preço, data da entrega e o número do pedido. Guarde muito bem este documento. " Ele será útil em caso de alguma reclamação do consumidor", diz Renata. Exija sempre a nota fiscal na entrega do produto.Devolução garantidaOutro ponto que merece atenção diz respeito à devolução do produto. Como a compra pela Internet é feita fora do estabelecimento, o consumidor tem um prazo de 7 dias para se arrepender da compra. Ele pode devolver o produto, mesmo que não haja defeito, simplesmente porque se arrependeu de ter comprado. O valor que foi pago deve ser devolvido integralmente. Veja a seguir: o cuidado na hora de comprar pela televisão

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.