Malan não comenta eventual aumento da meta de inflação

O ministro da Fazenda, Pedro Malan, não quis comentar as notícias de que o Conselho Monetário Nacional (CMN) poderá definir, na reunião de amanhã, o aumento da meta de inflação para 2003. "Que eu saiba, a reunião do CMN é amanhã. Não tenho nada para falar para a imprensa", disse o ministro, ao sair da reunião da Câmara de Comércio Exterior.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.