finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Manifestantes caminham para sede da Petrobras no Rio

Os cerca de 300 manifestantes que seguiam em passeata pela Avenida Rio Branco, no centro do Rio, caminhavam nesta noite de segunda-feira, 21, pela Avenida Almirante Barroso em direção à sede da Petrobras. Policiais militares formam barreiras em ruas do entorno, como a Senador Dantas e a Lélio Gama. A sede da estatal fica na esquina da Rua Lélio Gama com a Avenida República do Chile.

AE, Agencia Estado

21 de outubro de 2013 | 19h25

O prédio da Petrobras, por sua vez, está cercado por policiais militares. À frente dos manifestantes, ativistas levam faixas defendendo a desmilitarização da polícia e classificando como "privatização" o leilão do pré-sal, realizado pelo governo federal na Barra da Tijuca (zona oeste do Rio).

Tudo o que sabemos sobre:
pré-salleilãoprotestos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.