Manifestantes cercam carro que transporta pessoal do FMI

Auditores fiscais da Receita Federal, que fazem manifestação em frente ao Ministério da Fazenda, cercaram hoje à tarde o carro que faz o transporte dos técnicos do Fundo Monetário Internacional. Eles integram a missão do FMI que está fazendo a segunda revisão do acordo assinado com o governo brasileiro no final do ano passado. O cerco provocou tumulto e confusão na rua de acesso à entrada do Ministério.No carro, estavam apenas dois técnicos do FMI e uma assessora. O chefe da missão, Phil Gerson, não estava. Com gritos de "fora FMI", os manifestantes chegaram a bater no carro. Ao mesmo tempo, tocavam também buzinas e apitos. Os policiais, chamados para reforçar a segurança do prédio, não conseguiram conter os manifestantes. Somente depois de alguns minutos é que o carro conseguiu passar pela barreira humana que se formou no local.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.