finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Manifestantes ocupam plenário no início da reunião da OMC

Manifestantes ocuparam o plenário onde ocorre a cerimônia de abertura da 5ª reunião ministerial da Organização Mundial do Comércio, em Cancún, México. Quando o diretor-geral da OMC, Supachai Panitchpakdi, fazia o pronunciamento inicial, manifestantes gritaram palavras de ordem contra a reunião. Em sua exposição, Panitchpakdi pediu aos países participantes que tenham um espírito de "flexibilidade e entendimento" para que a reunião tenha sucesso. "Para que essa reunião crie um clima positivo para conclusão da rodada de Doha é necessário um desfecho equilibrado, ou seja, os interesses nacionais devem ser perseguidos mas é preciso haver concessões para que o resultado final da reunião beneficie todos os países. É preciso ir além dos interesses nacionais para o benefício de todos", insistiu o diretor da OMC. Ele disse que o mundo neste momento só tem uma alternativa, que é a de fortalecer o sistema multilateral de comércio que ajudará na recuperação da economia mundial e contribuirá para diminuir a pobreza no mundo. Supachai Panitchpakdi ressaltou que conciliar os interesses de todos os países membros será uma tarefa complexa na reunião de Cancún. "As horas de trabalho serão longas e essa será uma tarefa muito difícil, mas não impossível", ressaltou. Segundo ele, ainda, tem havido progresso nas negociações, mas reconheceu a existência de muitos obstáculos a serem superados. Rubens Ricupero representa Kofi AnnanNa seqüência, o secretário geral da Conferência das Nações Unidas para o Comércio e Desenvolvimento (Unctad), Rubens Ricupero, fará seu pronunciamento. Ricupero representa o secretário geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Kofi Annan. O último pronunciamento na cerimônia de abertura oficial da reunião de Cancún será feito pelo presidente do México, Vicente Fox.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.