Mantega afirma que reservas ultrapassaram dívida

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, informou nesta quarta-feira ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva, durante a reunião de coordenação política, que as reservas internacionais brasileiras ultrapassaram a dívida externa líquida. Ao dar a informação, a Secretaria de Imprensa da Presidência da República não detalhou a que dívida Mantega se referiu - dívida externa total, dívida do setor publico ou apenas dívida do setor público não financeiro.De acordo com dados do Banco Central, as reservas internacionais do País subiram, na última terça-feira, US$ 360 milhões, atingindo US$ 64,379 bilhões no conceito de liquidez internacional, informou há pouco o Banco Central.Em maio, segundo o Banco Central, a dívida externa brasileira total, incluindo setor público e privado, estava em US$ 160,7 bilhões. No mesmo mês, conforme o BC, a dívida do setor público não financeiro estava em US$ 76,581 bilhões.Segundo dados do Tesouro Nacional, a dívida externa líquida do poder público no final de maio fechou em a R$ 152,080 bilhões, equivalente a cerca de US$ 69 bilhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.