finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Mantega: Brasil está no time dos países sólidos

O ministro da Fazenda, Guido Mantega,reafirmou nesta quinta-feira que os fundamentos do Brasil estãobastante fortes para o país enfrentar a atual turbulência dosmercados financeiros, causada pelos temores sobre o créditoimobiliário de alto risco norte-americano. Para ele, a economia nacional não preocupa os mercados. "O Brasil está muito sólido para enfrentar uma situaçãocomo esta. O mercado não está preocupado com o Brasil", disseMantega a jornalistas, ao chegar à sede do ministério, emBrasília. "O Brasil está no time dos países sólidos, que estãohabilitados a enfrentar um nervosismo menor ou maior." Mantega disse, ainda, que não houve, ao longo do dia, "umacorrida" de investidores para se desfazerem de títulos públicosbrasileiros, e acrescentou que o nervosismo não afetará atrajetória da taxa básica de juros Selic. "A Selic tem a ver apenas com a inflação interna", afirmouo ministro. Ele acrescentou que, caso a turbulência externa permaneça,a tendência é que o Federal Reserve, banco centralnorte-americano, reduza a taxa de juros nos Estados Unidos para"destensionar" o mercado. "Se houver mudança será para menor, e não para maior, entãonão tem nada a ver com a nossa Selic. A nossa Selic está bemcalibrada e olha apenas para a inflação." (Por Isabel Versiani)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.