Mantega: ciclo de crescimento está implantado no País

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, afirmou hoje que já está implantado no Brasil um ciclo de crescimento econômico. Ele afirmou que não se trata de uma alta esporádica e que o País já cresce a taxas de mais de 3% nos últimos quatro anos. "O crescimento vai continuar nos próximos anos", afirmou.Mantega, que mais cedo se reuniu com o presidente Lula, contou que o presidente ficou satisfeito com o resultado do Produto Interno Bruto (PIB) de 2007 (expansão de 5,4%) e pediu para que a equipe econômica dê continuidade à aceleração do crescimento. "Não é uma aceleração desmesurada. A nossa opção é por um crescimento gradual para manter sua qualidade", acrescentou.Segundo ele, um crescimento rápido demais pode gerar falta de demanda e obrigar o governo a abortar a expansão. Mantega disse que o crescimento acelerado também pode provocar problemas na infra-estrutura. Segundo ele, o governo está acelerando as obras e, no atual nível de crescimento, não há pontos de estrangulamento. "A estratégia de longo prazo é que esse crescimento vai se acelerando. Mas isso não quer dizer que será linear", afirmou.O ministro disse que, diante da possibilidade de a crise internacional afetar a aceleração do crescimento em 2008, o governo trabalha com uma expectativa de elevação para o PIB brasileiro esse ano de 5%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.