Mantega: contas públicas já têm excedente fiscal grande

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse hoje, durante entrevista à imprensa para anunciar a criação do fundo soberano no País, que as contas públicas já estão com excedente fiscal muito grande. "Tanto que tivemos superávit nominal", enfatizou. Ele explicou que, aos poucos, o governo vai colocar esse excedente no fundo soberano "de modo a capturar o excedente que haja em dezembro". Ele lembrou que nem todo o excedente "entra no cálculo do superávit, mas todo mundo sabe que é algo que não será gasto. É um recurso que não entra na despesa corrente", afirmou o ministro.Ele insistiu ainda que na política de responsabilidade fiscal o governo está fazendo esforço fiscal maior do que a meta estabelecida e "isso significa que continuaremos crescendo do jeito que estamos crescendo e arrecadando, e teremos o excedente que será colocado nessa modalidade", afirmou, referindo-se ao fundo soberano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.