Mantega pode ir à Câmara explicar medidas econômicas

A oposição cobrou a presença do ministro da Fazenda, Guido Mantega, na Câmara dos Deputados para dar explicações sobre as recentes medidas tomadas pelo governo de cobrar IOF no mercado de derivativos e IPI maior sobre veículos importados. Líderes da base aliada consultarão Mantega, e uma audiência poderá ser marcada para a próxima semana nas Comissões de Finanças e Tributação e de Desenvolvimento, Indústria e Comércio.

EDUARDO BRESCIANI, Agencia Estado

27 de setembro de 2011 | 18h15

A oposição questiona principalmente a medida do IOF por dar ao Conselho Monetário Nacional ampla liberdade para alter alíquotas. Os oposicionistas querem ainda uma compensação para empresas exportadoras, que podem ser prejudicadas com a medida.

Em relação ao IPI sobre carros importados, a oposição já ingressou no Supremo Tribunal Federal (STF) questionando a cobrança. Para eles, a medida teria de respeitar uma noventena prevista na Constituição. Além disso, há o temor de que, com a medida, haja perda de investimentos, aumento dos preços dos veículos e queda na qualidade.

Tudo o que sabemos sobre:
oposiçãoCâmaraIOFIPIMantega

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.