Mantega recebe primeiro grupo de empresários para discutir IPI

Embora vençam na sexta-feira apenas benefícios para automóveis e produtos da linha branca, ministro quer ter um mapeamento da situação todos os setores beneficiados  

Agência Estado,

28 de agosto de 2012 | 17h45

BRASÍLIA - O ministério da Fazenda divulgou há pouco a lista de empresários que foram recebidos nesta terça-feira, 28, pelo ministro Guido Mantega. A Fazenda está realizando uma rodada de debates com os setores que foram beneficiados com redução de Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI).

Mantega está reunido com executivos do Instituto para Desenvolvimento do Varejo (IDV), Associação Brasileira das Indústrias do Mobiliário (Abimovel), Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee), Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat), Associação Brasileira de Supermercados (Abras), Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção (Anamaco), Associação Nacional dos Fabricantes de Cerâmica para Revestimento, Louça Sanitária e Congêneres (Anfacer), Associação Nacional de Fabricantes de Produtos Eletrônicos (Eletros), Casas Bahia e Ponto Frio, Grupo Pão de Açúcar, Walmart e Whirlpool.

Embora vençam na sexta-feira apenas os benefícios para automóveis e produtos da linha branca (geladeira, freezer, fogão, maquina de lavar), Mantega quer ter um mapeamento da situação todos os setores beneficiados e o impacto da redução do tributo sobre a produção, as vendas e o emprego. A intenção é deixar para sexta-feira, último dia de vigência do benefício, a divulgação da decisão sobre o IPI para automóveis e produtos da linha branca.

Tudo o que sabemos sobre:
MantegaIPI

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.