Maranhão tem pior PIB per capita em 2010, informa IBGE

Resultado foi de R$ 6.888,60; já o maior PIB per capita do País é o do Distrito Federal, com R$ 58.489,46 

Daniela Amorim, da Agência Estado,

23 de novembro de 2012 | 13h25

O Estado do Maranhão apresentou o menor Produto Interno Bruto (PIB) per capita no Brasil em 2010, informou nesta sexta-feira o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado foi de R$ 6.888,60. Já o maior PIB per capita do País é o do Distrito Federal, com R$ 58.489,46.

"O menor PIB per capita era o do Piauí, agora é o do Maranhão", disse Frederico Cunha, gerente da Coordenação de Contas Nacionais Anuais, explicando que o crescimento da população no Maranhão foi maior do que no Piauí e, como a expansão do PIB não acompanhou a expansão populacional, o PIB per capita maranhense ficou menor.

A performance do Distrito Federal é explicada pela baixa densidade populacional aliada ao elevado nível de renda. "A fatia do Distrito Federal no PIB é muito maior do que a fatia da região no total da população. O PIB per capita do Distrito Federal é três vezes maior que o do Brasil", acrescentou Cunha.

O PIB per capita do Distrito Federal é ainda duas vezes maior que o de São Paulo, de R$ 30.243,17, o segundo Estado no ranking.

No total do País, o PIB per capita é de R$ 19.766,33. Em 2010, sete unidades da federação tiveram resultado acima da média nacional: Distrito Federal, São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Espírito Santo e Paraná.

A segunda pior posição na lista de PIB per capita pertenceu ao Piauí: R$ 7.072,80. O Estado de Alagoas ficou em terceiro lugar, com um PIB per capita de R$ 7.874,21. "A concentração dos menores PIBs per capita é nas regiões Norte e Nordeste", declarou Cunha.

Tudo o que sabemos sobre:
PIBregionalparticipaçãoIBGE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.