Marco regulatório dos minérios é a pauta da vez, diz Stephanes

Ministro da Agricultura vê urgência na discussão sobre o setor de minério, especificamente os fertilizantes

Célia Froufe, da Agência Estado,

03 de setembro de 2009 | 15h30

O ministro da Agricultura, Reinhold Stephanes, considerou positivo o anúncio feito nesta última quarta-feira, 2, pelo ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, de que até o fim do ano o governo divulgará o novo marco regulatório para o setor de minério. "Fertilizantes são uma questão urgente, básica, estratégica, e que precisa de um marco regulatório", afirmou Stephanes a jornalista, quando chegou ao Ministério da Fazenda para uma reunião com ministro interino Nelson Machado e o ministro da Previdência, José Pimentel.

 

Veja também

Governo discute novo marco regulatório para setor mineral

 

Ele afirmou que se pode tratar a partir de agora do novo marco regulatório dos minério, já que, conforme afirmou o ministro Lobão, o assunto só seria analisado depois do debate sobre o pré-sal, cujas propostas para o marco regulatório já foram entregues pelo governo ao Congresso Nacional nesta semana. "Estamos agora neste outro item da pauta, o de minérios, embora estejamos tratando do assunto faz quase um ano", considerou.

 

Questionado a respeito das discussões sobre o índice de produtividade das terras para efeito de reforma agrária, o ministro se recusou a tratar do tema alegando que não era a pauta do dia.

Tudo o que sabemos sobre:
marco regulatóriominériosStephanes

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.