Marinho diz que tabela do IR será reajustada para 2006

O governo federal vai cumprir seu compromisso público e reajustará a tabela de Imposto de Renda (IR) para a pessoa física neste ano, com a entrada em vigor prevista para 2006. A garantia foi dada hoje pelo ministro do trabalho, Luiz Marinho, após encontro com dirigentes da Força Sindical, na sede da central de trabalhadores, em São Paulo.Ele não quis, entretanto, informar qual índice de correção o governo estuda para aplicar sobre a tabela. "Tenho dificuldade de revelar exatamente como está a negociação para corrigir a tabela por causa da presença imprensa", disse o ministro, em tom de humor. "Depois podemos falar, mas vamos corrigir a tabela do IR. Ainda não sabemos, mas garanto que, de um jeito ou de outro, ela será corrigida", complementou.Depois, em entrevista coletiva, Marinho preferiu não informar qual reajuste estaria em estudo, mas insistiu que o governo Luiz Inácio Lula da Silva cumprirá este compromisso. "Em quanto será corrigida, como diria o presidente, vamos ter paciência, paciência, paciência. Mas será corrigida, conforme entendimento feito com as centrais sindicais no ano passado, um compromisso do governo", declarou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.