Ed Ferreira/AE
Ed Ferreira/AE

Mário Mesquita deixa diretoria do BC e Hamilton Vasconcelos assume

Segundo nota, diretor de Política Econômica deixa instituição para se dedicar a novos projetos profissionais 

Rosana de Cassia, da Agência Estado,

31 de março de 2010 | 08h12

O diretor de Política Econômica do Banco Central (BC), Mário Mesquita está deixando o cargo por motivos pessoais, segundo nota divulgada nesta quinta-feira, 31, pelo BC. Mesquita vai se dedicar a novos projetos profissionais, "depois de 3 anos e 9 meses contribuindo de forma importante" para o Banco Central.

 

Para o lugar de Mesquita, assume o atual diretor de Assuntos Internacionais, Carlos Hamilton Vasconcelos Araújo, que dará a primeira coletiva entrevista nesta quinta, já como diretor de Política Econômica, para comentar o relatório de inflação do primeiro trimestre de 2010.

 

Para a diretoria de Assuntos Internacionais, o presidente do BC, Henrique Meirelles, indicou Luiz Awazu Pereira da Silva, funcionário de carreira do Banco Mundial e que atualmente ocupa o cargo de diretor regional para o Departamento 2 da África Austral do banco. Segundo nota do BC, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva concordou com a indicação de Awazu, que terá que ser submetida ao Senado.

 

Luiz Awazu Pereira da Silva é doutor em Economia pela Université de Paris-I Sorbonne. Foi diretor do Departamento de Risco-País e Análise Econômica do Japan Bank for Internacional Cooperation e pesquisador-visitante do Instituto de Política Monetária e Fiscal do Ministério das Finanças do Japão, bem como chefe da Assessoria Econômica do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão e Secretário de Assuntos Internacionais do Ministério da Fazenda. 

Tudo o que sabemos sobre:
BCMesquitaHamilton

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.