carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Marta destaca negociação de mais medidas para o turismo

Segundo ministra do setor, continuação das discussões permitirá mais avanços para beneficiar o setor no País

Isabel Sobral, da Agência Estado,

04 de setembro de 2007 | 12h36

A ministra do Turismo, Marta Suplicy, disse nesta terça-feira, 4, que o mais importante da reunião do Conselho Nacional do Turismo foi a declaração do ministro da Fazenda, Guido Mantega, de que prosseguirá com as negociações para adotar mais medidas de desoneração de impostos aos segmentos empresariais do turismo.  "Isso permitirá que façamos mais avanços para beneficiar os setores de turismo do País", disse. Mantega anunciou nesta terça a redução da alíquota do IPI sobre fechaduras eletrônicas e depreciação acelerada de bens móveis para cálculo de PIS e Cofins. As duas medidas vão beneficiar o setor de hotelaria. O presidente da Associação Brasileira da Indústria Hoteleira, Eraldo Alves da Cruz, disse que considera as medidas apenas o início, pois o setor necessita de mais desonerações para se desenvolver.  Segundo ele, foi entregue ao Ministério da Fazenda, para análise, uma lista de 50 itens, em sua maioria eletrodomésticos, que precisam de redução de tributos para facilitar a vida do empresário. "Não faz sentido um hotel comprar geladeiras, TVs e ar condicionado pelo mesmo preço que um consumidor comum. E não temos que ter vergonha de falar em subsídio", declarou.

Tudo o que sabemos sobre:
turismoMarta Suplicy

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.