Maserati convoca 97 brasileiros para recall de modelos superesportivos

Veículos precisam passar por troca de peça da suspensão traseira  para evitar riscos de perda de controle e colisão

Cleide Silva, do Estadão,

17 de junho de 2013 | 12h16

SÃO PAULO - A fabricante de automóveis Maserati convocou recall dos veículos superesportivos Quattroporte e Granturismo, importados da Itália e vendidos no Brasil por preços que variam de R$ 750 mil a R$ 950 mil.

São 97 veículos que precisarão ir à concessionária para troca gratuita de uma peça da suspensão traseira, que serve para dar estabilidade aos veículos. São 76 unidades do Quatroporte e 21 do GranTurismo.

Foram verificados problemas nas barras de convergência traseiras, que podem resultar em perda de controle do veículo, com riscos de colisão.

 

Maserati GranTurismo,  vendida no Brasil por preços entre R$ 750 mil e R$ 920 mil (foto:divulgação)

Os proprietários devem procurar o Serviço de Assistência Técnica do importador oficial no Brasil, a Via Itália Comércio e Importação de Veículos Ltda.

A empresa afirma em nota ser "obrigatório sanar o problema". Os veículos envolvidos no recall tem chassis com os finais nº 13.191 a nº 41.968 e foram fabricados de 2004 a 2008. Será feita uma inspeção e eventual substituição da peça defeituosa.

 

Maserati Quatroporte, vendida no Brasil por R$ 950 mil (foto:divulgação)

Notícias relacionadas
    Tudo o que sabemos sobre:
    Maseratirecall

    Encontrou algum erro? Entre em contato

    O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.