Mattel anuncia terceiro recall de brinquedos

Medida envolve 11 novos produtos fabricados na China, seis deles vendidos no Brasil.

BBC Brasil, BBC

05 de setembro de 2007 | 03h05

A Mattel, maior fabricante de brinquedos do mundo, anunciou nesta terça-feira um novo recall de brinquedos fabricados na China - o terceiro em um mês.Segundo comunicado oficial da Mattel do Brasil, 11 novos itens foram acrescentados à lista, divulgada em agosto, de brinquedos "que devem ser recolhidos por excesso de chumbo na tinta". "No total, foram afetados 522 mil brinquedos nos EUA e 322 mil em outros países", diz a nota da empresa.Desses 11 novos itens, seis são vendidos no Brasil: cinco acessórios da marca Barbie e um da marca Fisher-Price (um vagão da locomotiva Geotrax)."Cerca de 7.057 mil unidades chegaram ao varejo neste período e a maioria está nas mãos dos consumidores. A partir de hoje, os pontos de vendas de todo o Brasil estão sendo notificados para que suspendam a comercialização e que retornem esses produtos à Mattel imediatamente", afirma o comunicado.A empresa colocou o telefone 0800 77 01207 e o site www.recallmattel.com.br à disposição dos consumidores brasileiros para informações sobre o recall.A Mattel informa ainda que "está notificando o Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor (DPDC), os Procons em cada Estado e o Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial) para garantir a efetividade da ação". "Em agosto nós nos comprometemos que continuaríamos a focar na garantia da qualidade e da segurança de nossos brinquedos por meio de intensivos testes de produtos acabados, avaliação de nossos fornecedores e a implantação de um sistema reforçado de segurança. Como resultado (...) descobrimos outros produtos afetados por excesso de chumbo na tinta. Como conseqüência, diversas empresas terceirizadas por nossos fornecedores não estão mais fabricando brinquedos para a Mattel", afirmou o CEO da Mattel, Robert A. Eckert, segundo a nota divulgada pela assessoria de imprensa da empresa."Mais uma vez, pedimos desculpas a todos aqueles atingidos por esse recall e mantemos nossa promessa de continuar os esforços para assegurar a qualidade e a segurança de nossos brinquedos."Este novo recall é mais um de uma série problemas encontrados recentemente em brinquedos fabricados na China.No mês passado, a Mattel havia feito o recall de 18 milhões de brinquedos fabricados na China, alguns devido ao excesso de chumbo na tinta e outros porque continham pequenos imãs que se soltavam e poderiam ser engolidos pelas crianças.O governo chinês ainda não comentou este último recall, mas já havia afirmado anteriormente que, dos bilhões de produtos que produz a cada ano, apenas uma pequena fração apresenta defeitos.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
mattelbrinquedorecall

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.