Mattel tem lucro de US$ 37 milhões no segundo semestre

O fabricante de brinquedos Mattel, o maior dos Estados Unidos, fechou o segundo trimestre do ano com um lucro de US$ 37 milhões devido. O principal motivo, segundo divulgou nesta segunda-feira a empresa, foram as "boas vendas" de produtos inspirados nos filmes "Carros" e "Superman - O Retorno".A empresa registrou entre abril e junho um lucro líquido equivalente a US$ 0,10 por ação, comparado com o prejuízo de US$ 94 milhões, ou US$ 0,23 por ação, do ano passado.O resultado do ano passado foi influenciado pela cobrança de uma carga fiscal extraordinária, enquanto no segundo trimestre de 2006 a empresa se beneficiou de um crédito tributário.Ao descontar estes e outros gastos e benefícios extraordinários, os resultados da empresa equivalem a um lucro de US$ 0,08 por ação, o dobro do esperado pelos analistas.No conjunto do segundo trimestre, as vendas mundiais da empresa cresceram 8%, a US$ 978 milhões, acima dos US$ 923 milhões que os analistas haviam previsto.As vendas mundiais de sua divisão de brinquedos inspirados em filmes subiram 38%, ao tempo que as do produto símbolo da Mattel, a boneca Barbie, caíram 1% em nível mundial, embora tenham registrado uma leve alta nos EUA.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.