Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Mattel terá que enfrentar mais um processo

Diante de um novo recall convocado pela fabricante de brinquedos Mattel para troca de produtos suspeitos de conterem excesso de chumbo na tinta, o Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor (DPDC), do Ministério da Justiça, deve abrir na semana que vem mais um processo administrativo contra a empresa. A primeira investigação foi instaurada logo após a empresa anunciar em agosto um recall no País para recolhimento de brinquedos das linhas Polly, Batman e Barbie&Tanner que têm ímãs aparentes que correm o risco de se desprender e de ser engolidos pelas crianças.O novo processo deverá se concentrar em apurar porque a empresa manteve a comercialização no Brasil destes produtos já que havia a suspeita de problemas com a tinta nos brinquedos vendidos em outros países. Os produtos foram fabricados em três empresas terceirizadas pela Mattel na China e podem estar comprometidos com excesso de chumbo.

Agencia Estado

07 de setembro de 2007 | 06h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.