coluna

Dan Kawa: Separar o ruído do sinal é a única forma de investir corretamente daqui para a frente

Média das projeções para IPCA 2007 cai mais 0,01 pp, para 4,44%

A média das projeções para o IPCA do próximo ano voltou a cair 0,01 ponto porcentual, de acordo com o site do Banco Central. Esta é a sexta semana consecutiva em que esta medida recua, atingindo atualmente o patamar de 4,44%. Em todas as semanas, o recuo da média das expectativas foi de 0,01 pp.No dia 22 de agosto, terça-feira da semana passada, foi a primeira vez neste ano que a taxa média apresentou o patamar mais baixo de estimativas, 0,06 ponto porcentual distante do centro da meta de 2007, de 4,50%. A variação se manteve nos dias seguintes, ainda de acordo com o site do BC. A primeira constatação de que a média cedeu para um patamar abaixo da meta de inflação para o próximo ano foi em 17 de julho, de 4,50% para 4,49%. No dia 28 do mês passado, o porcentual diminuiu um pouco mais, para 4,48%, e assim prosseguiu semana a semana.Esta desaceleração tênue, mas constante, da média das projeções indica, de acordo com analistas consultados pela Agência Estado, que está muito próxima a queda das projeções quando observada pela perspectiva da mediana, cujo resultado é divulgado toda a segunda-feira pelo Banco Central, por meio da pesquisa Focus. O BC informou ainda que, hoje, a mediana das projeções para a inflação do próximo ano está imóvel em 4,50% há 54 semanas. Historicamente, a queda das estimativas para a inflação do ano seguinte é vista com mais clareza a partir de setembro, quando mais indicadores já são conhecidos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.