Média de exportação cai liderada por semimanufaturados

A média diária de exportações na primeira semana de setembro, com quatro dias úteis, caiu 24,8% na comparação com igual período de dias úteis do mesmo mês do ano passado, para US$ 684,5 milhões. A forte retração foi liderada pela venda de produtos semimanufaturados, cuja média diária de exportações caiu 30,2%, segundo dados detalhados pelo Ministério do Desenvolvimento. Essa queda foi observada principalmente nos embarques de óleo de soja bruto, ferro-ligas, ferro fundido, ligas de alumínio, alumínio em bruto, ferro e aço e celulose.

FERNANDO NAKAGAWA, Agencia Estado

08 de setembro de 2009 | 16h48

Ainda na pauta exportadora, a média diária de embarque de manufaturados caiu 24,5%. Nesse caso, a retração mais acentuada na vendas de etanol, aparelhos transmissores e receptores, motores e geradores elétricos, veículos de carga, aviões, autopeças, automóveis de passageiros e bombas e compressores. Nos produtos básicos, a queda caiu 20,8%, liderada pela queda das exportações de petróleo bruto, minério de ferro, minério de manganês, algodão em bruto, carne suína, bovina e de frango, café em grão e fumo em folhas.

Por outro lado, a média diária de importações caiu 28% na mesma base de comparação, para US$ 564,5 milhões. Essa retração foi liderada pela queda da compra de adubos e fertilizantes (retração de 42%), siderúrgicos (-39,6%), equipamentos mecânicos (-30,7%), veículos e automóveis (-28,9%) e equipamentos elétricos e eletrônicos (-26%), entre outros itens.

Tudo o que sabemos sobre:
comércio exteriorbalança comercial

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.