Medidas anticrise e Wall St fazem Bovespa reduzir perdas

A Bolsa de Valores de São Paulo reduziu as perdas na última hora da sessão, refletindo a combinação de perdas menos acentuadas em Wall Street e o efeito de novas medidas do governo brasileiro para enfrentar a crise internacional. Às 16h30, o Ibovespa assinalava baixa de 7,52 por cento, para 41.167 pontos. No pior momento do dia, o índice chegou a cair mais de 15 por cento. O giro financeiro do pregão era de 4,4 bilhões de reais. Dentre as medidas anunciadas há pouco, está a de que o Banco Central passará a compra títulos de bancos brasileiros no exterior com o compromisso de repassá-los novamente às instituições financeiras no futuro. Outra foi a extensão, em 5 bilhões de reais, das linhas de financiamento do BNDES para financiar exportadores. Em Wall Street, o índice Dow Jones cedia 4,2 por cento, depois de ter chegado a recuar mais de 7 por cento. (Reportagem de Aluísio Alves; Edição de Alexandre Caverni)

REUTERS

06 Outubro 2008 | 17h04

Mais conteúdo sobre:
BOVESPA REDUZ QUEDA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.