André Dusek/Estadão
André Dusek/Estadão

Meirelles acredita que possibilidade de aprovação de Reforma da Previdência é real

Ministro destacou em evento que 'a previdência no Brasil é um ponto fora da curva'

Fernanda Guimarães e Altamiro Silva Junior, O Estado de S. Paulo

26 Agosto 2017 | 17h22

Apesar das dificuldades, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse que a possibilidade de aprovação da reforma da Previdência é algo real. "A trajetória do gasto com a previdência é insustentável", destacou, em sua apresentação no Congresso Internacional de Mercados Financeiro e de Capitais, organizado pela B3, em Campos do Jordão.

O ministro reforçou que é do interesse do País, dos parlamentares e dos eleitores que a reforma da Previdência seja aprovada, visto que, se nada for feito, ela irá ocupar, dia a dia, um espaço maior do orçamento.

"A previdência do Brasil é um ponto fora da curva do ponto de vista mundial", disse em discurso. "O gasto com Previdência no Brasil é de 13% do PIB, maior do que o de países como o Japão", continuou.

Com o crescimento do espaço da Previdência no Orçamento, se nenhuma reforma for realizada, o teto dos gastos não poderá ser cumprido. O ministro mostrou, ainda, que sem essa aprovação, sobraria 20% do orçamento para todos os gastos.

A respeito da discussão sobre possível esvaziamento da reforma da Previdência, o ministro disse que, idealmente, é que o texto a ser aprovado seja o mesmo que passou na Comissão Especial. "Claro que existem medidas compensatórias", frisou, lembrando que o melhor é que a mudança seja constitucional, visto que dessa forma será mais difícil de haver alteração futura.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.