finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Meirelles alerta bancos sobre evolução do mercado

Para o presidente do BC, é nos momentos de expansão da economia que os problemas aparecem

LUCINDA PINTO, Agencia Estado

13 de novembro de 2009 | 12h12

O presidente do Banco Central (BC), Henrique Meirelles, aconselhou nesta sexta-feira, 13, os bancos a ficarem atentos à evolução do mercado doméstico, porque "é nos momentos de expansão que os problemas aparecem". Meirelles fez essa afirmação em discurso durante o 8º Seminário de Economia promovido pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban). No evento, ele também destacou as boas condições do sistema financeiro brasileiro.

Meirelles observou que o teste de estresse atual mostra que, no caso de haver um choque severo, o sistema financeiro permanece com o índice de Basileia acima de 11% do capital. Na pior das hipóteses, segundo ele, o índice ficaria em 12%. "Isso mostra que o sistema financeiro está preparado para choques adversos", afirmou. Ainda assim, advertiu Meirelles, "é importante que se mantenha isso, porque uma das conclusões que se chega hoje é que os problemas aparecem na expansão". "Este é o momento em que todos devem estar alerta", afirmou.

Meirelles destacou que as boas condições do sistema financeiro do Brasil vêm da combinação entre estabilidade econômica, política monetária adequada, condução financeira rigorosa e supervisão financeira integrada. Além disso, os bancos têm bom provisionamento, com monitoramento diário de liquidez. Ele enfatizou o fato de o Brasil ter integradas a autoridade monetária e a autoridade reguladora. "Todas as 21 instituições financeiras são reguladas pelo Banco Central. Não existe, portanto, assimetria de regulação, como existe em muitos países", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
mercadobancosMeirellesFebraban

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.