Meirelles: BC tomará medidas preventivas se necessário

O Brasil está preparado para enfrentarum cenário externo desfavorável, mas o Banco Central estápronto para agir preventivamente se for necessário, afirmounesta segunda-feira o presidente do BC, Henrique Meirelles. "Nos últimos cinco anos aproveitamos para arrumar a casa",disse ele durante discurso em cerimônia de posse de uma novadiretora do BC. "A minha mensagem é apenas uma: estamos preparados",concluiu o presidente do BC, em um dia de fortes quedas nosmercados acionários globais por conta de crescentes temores deuma recessão nos Estados Unidos. Ele destacou que o BC está monitorando cuidadosamente asituação econômica internacional e que tomará as medidasnecessárias, e frisou que o BC sempre agirá de formapreventiva. "Não temos ilusão de que o Brasil está imune à crise, masentendemos que estamos mais preparados." Meirelles acrescentou que o país já passou por momentos de"experimentalismos" econômicos que não foram bem-sucedidos eque o melhor arcabouço para a economia é o critério deresponsabilidade fiscal, câmbio flutuante e compromisso com asmetas de inflação. "Não há razão para o Brasil voltar ao obscurantismoeconômico. E não o faremos." (Por Isabel Versiani)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.