Meirelles descarta conversas com Lula sobre câmbio

O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, disse nesta terça-feira, ao deixar o gabinete do ministro da Fazenda, Guido Mantega, que não tem conversado com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva nos últimos dias. "Não sei o que ele está pensando", disse ao ser indagado sobre as informações de que Lula estaria pressionando o Banco Central (BC) para elevar a cotação do dólar sobre o real.Sobre o aumento do volume de compra de dólares pelo BC em seus leilões diários, Meirelles afirmou que a autoridade monetária está simplesmente mantendo a mesma política de recomposição de reservas internacionais iniciada em 2004. A respeito das críticas do ministro do Trabalho, Luiz Marinho, de que o BC estaria bobeando na condução da política monetária e cambial, Meirelles disse que o Banco Central trabalha com uma meta de inflação, e não com uma meta para o dólar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.