Meirelles diz que Brasil não renovará acordo com FMI

O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, disse hoje que o Brasil não deve renovar a acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI),que termina em dezembro deste ano. "A nossa previsão é de que não haverá necessidade de renovar o acordo com o Fundo?, afirmou Meirelles. Sobre os compromisso que o Brasil tem ainda a honrar, inclusive com o próprio FMI, Meireles afirmou que tudo já está planejado. "Quando nós renovamos o acordo, estendemos os cronogramas de pagamento, já prevendo isso". Jornalistas brasileiros, que participaram de uma entrevista do presidente do BC com a imprensa européia, questionaram Meirelles sobre se de fato não seria mesmo necessário renovar o acordo e se poderia haver alguma outra questão que levasse a mudar essa decisão. "A princípio, acho pouquíssimo provável. Mas sempre é difícil dizer impossível. Não se fala isso em economia e nem em política, mas acho pouco provável?, respondeu o presidente do BC.

Agencia Estado,

30 Março 2004 | 13h33

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.