Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Meirelles diz que não há resposta padrão a alta de juro nos EUA

O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, afirmou hoje, durante audiência pública conjunta, promovida por seis comissões do Congresso Nacional, que não existe uma relação de causa e efeito entre uma possível elevação da taxa de juros nos Estados Unidos e uma resposta do Banco Central (BC) do Brasil.Segundo Meirellles, o cenário externo é um dos elementos avaliados pelo BC para que decisões de política monetária sejam tomadas. Entretanto, este não é o elemento preponderante, afirmou. "Não existe uma resposta padrão. Não há correlação de causa e efeito entre uma decisão do Fed (banco central dos Estados Unidos) e uma possível ação do Banco Central", disse.Meirelles também defendeu a idéia de que o sistema de metas de inflação é hoje "o mais moderno e eficaz modelo para se controlar expectativas e índices de inflação. Segundo ele, inflações altas não geram crescimento e, portanto, o trabalho central do BC é buscar o controle desses índices. O presidente do BC disse também que a economia brasileira continua dando resultados e que caminha na "direção correta".

Agencia Estado,

29 de abril de 2004 | 14h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.