Meirelles nega "peremptoriamente" saída do BC

O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, voltou a negar os rumores de que pretenda abandonar o posto ainda neste para se candidatar nas eleições de 2006. "Isso é boataria, nego isso peremptoriamente", disse Meirelles a jornalistas. Ele reclamou do que considera a insistência da imprensa em abordar o tema. "Não se deve falar demais esse tipo de coisa, eu já dei a resposta."Segundo Meirelles, as críticas à política monetária e os boatos de mudanças na diretoria do BC refletem o elevado grau de autonomia da instituição. "O BC faz uma política monetária adequada e muitas vezes essas reclamações ou boatos são resultado exatamente do alto grau de nossa autonomia", disse. A pedido do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Meirelles antecipou para hoje seu retorno ao Brasil, anteriormente previsto para amanhã. Ele viajará no Airbus presidencial.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.