Melhora imagem do Brasil no exterior

O mercado financeiro abre a sexta-feira comemorando as notícias positivas de ontem - operação da Petrobras e a emissão de bônus globais (veja mais informações nos links abaixo). O resultado das duas operações revela uma imagem mais favorável do Brasil aos investidores estrangeiros.No caso da Petrobras, 60% das ações ordinárias (ON, com direito a voto) da companhia foram compradas por investidores estrangeiros. Em relação aos bônus globais, esperava-se um resultado em torno de US$ 1 bilhão. Bem acima das expectativas, US$ 5,15 bilhões em bradies - títulos da dívida brasileira - foram trocados por bônus globais, com vencimento em 40 anos, e possibilidade de negociação depois de 15 anos.A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) abriu estável e há pouco registrava baixa de 0,68%. O dólar, que manteve-se estável ontem no patamar de R$ 1,7970, está cotado a R$ 1,7940 na ponta de venda dos negócios. No mercado de juros, mesmo com os altos índices de inflação divulgados ontem, os contratos de juros de DI a termo - que indicam a taxa prefixada para títulos com período de um ano - pagavam juros de 16,950% ao ano, frente a 17,040% ao ano registrados ontem. Pedido de vistas interrompe votação sobre julgamento da correção do FGTSO julgamento da correção do saldo do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) não foi finalizado ontem e será retomado dentro de duas semanas. Estão sendo analisados os reajustes de quatro planos econômicos - Plano Verão, Bresser, Collor 1 e Collor 2. Os índices acumulados nos quatro planos foi de 217,48% e a correção dada foi de 54,50%. A diferença entre os dois porcentuais é o que está em julgamento (mais informações no link abaixo).Porém, faltando apenas quatro votos para o encerramento do caso, já se tem uma idéia de qual será a dívida do governo: R$ 38,8 bilhões. O número esperado pelo mercado financeiro estava em torno de R$ 53,32 bilhões. Apesar do resultado um pouco menos desfavorável, a reação dos investidores ao número final pode afetar os rumos do mercado financeiro.InternacionalOs indicadores divulgados nos EUA agora há pouco não definiram tendência para as bolsas de Nova Iorque, de acordo com apuração do editor Josué Leonel. O Índice de Preços ao Produtor (PPI) - inflação ao atacado - ficou em zero. Mas as vendas no varejo subiram 0,7%, ante expectativa de 0,4%.Diante da boa e má notícia, a Nasdaq - bolsa que negocia papéis do setor de tecnologia nos Estados Unidos - opera em baixa de 0,90%. O índice Dow Jones - que mede a valorização das ações de empresas mais negociadas na Bolsa de Nova Iorque - está em alta de 0,16%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.