Membro diz que BC japonês está aberto a opções

Um membro do Banco do Japão sinalizou nesta quarta-feira que a autoridade monetária ainda está aberta a mais medidas de estímulo econômico após o instrumento de liquidez adicional anunciado na véspera.

REUTERS

02 de dezembro de 2009 | 07h07

Na terça-feira, o banco central ofereceu 10 trilhões de ienes (115 bilhões de dólares) em recursos de três meses a 0,1 por cento.

Nesta quarta-feira, Miyako Suda disse que o BC está aberto a qualquer opção de política se a performance da economia ficar abaixo de suas previsões.

"Os custos e os benefícios (de opções de política) podem mudar dependendo da situação dos mercados financeiros. Estamos sempre abertos ao que forem as melhores medidas", disse ela em discurso a empresários.

(Por Tetsushi Kajimoto)

Tudo o que sabemos sobre:
MACROJAPAOBC*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.