carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Mercado de imóveis premia as inovações

Evento também homenageou Oscar Niemeyer

O Estadao de S.Paulo

27 de setembro de 2007 | 00h00

Os 17 melhores empreendimentos e profissionais do setor imobiliário brasileiro receberam ontem à noite o troféu Prêmio Master Imobiliário, premiação realizada há 13 anos pelo Sindicato da Habitação de São Paulo (Secovi-SP) e Federação Internacional das Profissões Imobiliárias (Fiabci/Brasil), com apoio do Grupo Estado.Neste ano, a cerimônia premiou seis trabalhos na categoria Empreendimentos que, segundo a comissão julgadora, conseguiram divulgar nacional e internacionalmente conceitos inovadores no mercado imobiliário brasileiro. Na categoria Profissionais, 11 trabalhos receberam o prêmio. O evento também homenageou o conjunto da obra do arquiteto Oscar Niemeyer, que completa 100 anos neste ano.Os Profissionais foram avaliados nas categorias Soluções Arquitetônicas, Inovação Tecnológica, Comercialização e Marketing. Residencial, Residencial com Lazer e Comercial foram os segmentos analisados na categoria Empreendimentos. Um dos premiados foi a Techem, multinacional alemã que criou um sistema de medição de consumo de água e gás por apartamento. Com a medida, a economia média entre os condôminos chegou a 55% (água) e 42% (gás).Um destaque foi o prêmio para o Grupo PaulOOctavio, que restaurou o Brasília Palace Hotel, primeira obra inaugurada em Brasília, em 1958. O trabalho teve a supervisão do criador da obra, Oscar Niemeyer.Outra obra premiada, da construtora Rossi, foi o bairro Villa Flora, em Sumaré (SP), formado por 31 condomínios com 2.064 casas e quase 2 mil famílias residentes.''''Os premiados estão sempre entre os mais criativos, de maior alcance social e que mais engrandecem a indústria imobiliária e o País'''', disse o presidente da Fiabci/Brasil, Ricardo Yazbek. O prêmio permitiu a inscrição de trabalhos de todo o País, avaliados por um um corpo de jurados brasileiros e estrangeiros.Segundo o diretor de mercados Jornais do Grupo Estado, Ruy Prado de Mendonça, o crescimento do setor no País e o acirramento da concorrência entre as empresas estimulam a busca por prêmios como o Master. ''''O mercado está indo bem e esse tipo de premiação ganha cada vez mais relevância.''''Os ganhadores na categoria Empreendimentos poderão se inscrever no Prix d''''Excellence, concedido todos os anos pela Fiabci mundial.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.