Mercado de trabalho fraco nos EUA derruba Bovespa

Dados fracos sobre a economianorte-americana golpearam a Bolsa de Valores de São Paulo nestasexta-feira. O principal índice da bolsa paulista iniciou o pregão emalta, mas caiu com força logo após o governo norte-americanodivulgar os piores dados sobre criação de empregos desde 2003. O Ibovespa encerrou em baixa de 2,95 por cento, a 61.036pontos, patamar mais baixo desde 17 de dezembro, quando oíndice fechou a 59.828 pontos. O giro financeiro na bolsa foide 5,6 bilhões de reais. A queda da Bovespa "é 100 por cento em reação ao dadonorte-americano", resumiu durante a tarde o diretor dacorretora Novação Carlos Alberto Ribeiro, para quem o mercadocontinuará atento a qualquer sinal sobre a saúde da maioreconomia do mundo. O governo dos Estados Unidos informou que foram abertasapenas 18 mil empregos em dezembro, frente à expectativa deanalistas de 70 mil vagas. Além disso, a taxa de desempregosubiu para 5 por cento --a mais alta desde novembro de 2005. Os dados reacenderam o temor de uma recessão. No mercadodos Estados Unidos cresceu a expectativa de que o FederalReserve cortará o juro básico na reunião agendada para o finaldeste mês. "O que pesou mais foram as notícias lá de fora", concordouo assessor de investimentos de uma corretora em São Paulo, queprefere não ser identificado. No final da tarde, o índice Standard & Poor's 500 caía 2por cento, enquanto o termômetro tecnológico Nasdaq perdia maisde 3 por cento. DESTAQUES Entre os destaques de queda no Ibovespa estiveram as açõesda Petrobras, que caíram 4,91 por cento, para 81,40 reais. O petróleo caiu no mercado internacional nesta sexta-feira,depois de ter atingido novo recorde nesta semana ao superar os100 dólares por barril. Segundo operadores, os dados sobre omercado de trabalho norte-americano provocam o medo de umadesaceleração do maior consumidor global da commodity. Também tiveram queda expressiva as ações da Gol, querecuaram 5,05 por cento, para 38,17 reais. A Bovespa informou nesta sexta-feira que o fluxo derecursos estrangeiros para o mercado acionário doméstico foipositivo em 1,13 bilhão de reais em dezembro. No ano, o fluxofoi positivo em 45,2 bilhões de reais, como resultado de 49,4bilhões de reais em aquisições nas ofertas públicas de ações ede saldo negativo de 4,2 bilhões de reais na negociação diretana Bovespa. (Por Daniela Machado)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.