Mercado imobiliário no Reino Unido tem recorde de baixa

A aprovação de hipotecas no Reino Unido caiu para 42 mil em maio, de 58 mil em abril, segundo dados do Banco Central da Inglaterra (BoE, na sigla em inglês). O número é o menor desde que a série começou, em 1999. O declínio em maio (-16 mil) também foi a maior queda mensal nas aprovações de hipotecas já registrada. Os empréstimos líquidos ao consumidor cresceram 5,4 bilhões de libras em maio, a menor expansão desde março de 2001, comparado ao aumento de 7,3 bilhões de libras em abril. Já a pesquisa da Hometrack sobre o mercado imobiliário mostrou que os preços de residências britânicas caíram pelo nono mês consecutivo em junho, em 1% ante maio. No mês passado, o declínio foi de 0,5%. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.