Mercado prevê Selic e inflação menores para fim do ano

Após um longo período mantendo as projeções para a taxa básica de juros, a Selic (atualmente em 14,75% ao ano), em 14,25% para o final do ano, a pesquisa Focus, do Banco Central, encontrou um mercado ainda mais otimista, ao projetar que em dezembro de 2006 a taxa estará em 14%. Mesmo com um aperto monetário menor, o mercado ainda acredita que a inflação para o final do ano ficará ainda mais abaixo da meta de 4,5% - em 3,74%. Na semana anterior, a projeção para o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) ficou em 3,76%.Segundo divulgado nesta segunda-feira, ainda é esperado que os cortes da Selic terão uma diminuição de 0,5 ponto porcentual para 0,25%. Com isso, a próxima reunião do Comitê de Política Monetária, que será realizado em agosto, deve divulgar a taxa em 14,5% ao ano. No ultimo encontro, realizado este mês, a taxa foi para 14,75% - a menor dos últimos 30 anos. Para julho, a mediana das expectativas de mercado para o IPCA caiu de 0,20% para 0,15%, enquanto que para agosto recuou de 0,34% para 0,32%.Dólar O mercado deixou inalterada em R$ 2,23 sua projeção para a taxa de câmbio no final deste ano. Para 2007, a mediana das estimativas permaneceu em R$ 2,35.A mediana das expectativas para o dólar no final de agosto de 2006 teve discreta queda, saindo de R$ 2,20 para R$ 2,19.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.