finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Mercado questiona fôlego financeiro do governo federal

No mercado, a dúvida é até onde o governo vai conseguir segurar a situação do setor elétrico. "Hoje o setor não é mais autossuficiente porque os contratos estão indexados a um preço não realista, que não reflete o mercado de compra e venda", avalia Nivalde Castro, professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Renée Pereira, O Estado de S.Paulo

21 de julho de 2014 | 02h03

Até o início do mês, oito empresas haviam sido desligadas da Câmara de Comercialização por falta de pagamento. Em 2013, foram 19. Muitas pararam de produzir por falta de energia, como o caso da fábrica da Italmagnésio Nordeste, instalada na cidade de Várzea da Palma (MG).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.