Mercado retraído mesmo com boas notícias

O cenário desta manhã é positivo para o mercado financeiro com destaque para o andamento positivo das conversas de Armínio Fraga, presidente do Banco Central, e Pedro Malan, ministro da Fazenda, com banqueiros e investidores internacionais e a melhora de José Serra nas pesquisas eleitorais. Especificamente em relação ao mercado de câmbio, outro destaque é a rolagem de mais de 80% dos US$ 2 bilhões de títulos e contratos atrelados ao câmbio que vencem amanhã.Porém, os especialistas apontam que essas informações começaram a ser antecipadas ontem, sendo as principais responsáveis pelo recuo de 1,90% na cotação do mercado à vista, que ficou em R$ 3,10. Por isso, avaliam que o impacto dessas notícias na abertura de hoje deve ser limitado. Principalmente porque de hoje ao dia 18, os vencimentos privados no exterior somam US$ 610 milhões, segundo cálculos do mercado, e os investidores avaliam que boa parte disso será honrada."Apesar das boas notícias, o mercado pode ficar retraído, segurando um pouco as cotações, com a perspectiva de que haverá demanda por dólares nos próximos dias, a menos que se confirmem rumores de que algumas empresas poderiam estar voltando a captar fora", disse um especialista. Alguns analistas também ponderam que, apesar da alta de Serra nas últimas pesquisas, Lula também mostrou avanço, o que pode começar a provocar temores de que o candidato petista ganhe as eleições em primeiro turno. Os operadores lembram ainda que o mercado deve se mostrar retraído nesta véspera de 11 de setembro, data que marca o primeiro ano dos maiores atentados terroristas da história. Na abertura dos negócios, às 9h41, o dólar comercial estava sendo vendido a R$ 3,1100, em alta de 0,32% em relação ao fechamento de ontem. Já no mercado de juros, os contratos de DI futuro com vencimento em janeiro de 2003, negociados na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), pagavam taxas de 20,240% ao ano, frente a 20,190% ao ano negociados ontem.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.