Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Mercado tem dia calmo e aguarda votação do mínimo

Com o adiamento da votação do salário mínimo para esta quarta-feira, por causa da morte do presidente do PDT, Leonel Brizola, o mercado financeiro teve um dia calmo e com poucos negócios hoje. Os investidores também aguardam a decisão do Banco Central sobre a rolagem ou não da uma dívida de US$ 2,4 bilhões com vencimento dia 1º de julho.A bolsa paulista fechou hoje em baixa de 0,46%, em 20.199 pontos, com volume financeiro de apenas R$ 646 milhões. O dólar praticamente não oscilou: na mínima bateu os R$ 3,129 e na máxima, R$ 3,139. Encerrou os negócios estável, a R$ 3,134. O risco Brasil teve discreta alta de 4 pontos, para 655 pontos. Os C-Bonds, títulos da dívida mas negociados no mercado externo, registraram desvalorização de 0,2%, para 90,81 centavos de dólar. Os juros futuros também ficaram praticamente estáveis. Os contratos de janeiro terminaram em 16,89% contra 16,86% ontem.

Agencia Estado,

22 de junho de 2004 | 18h31

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.